F. C. Porto

Pepe está de volta por uma época e meia

Pepe está de volta por uma época e meia

Já há fumo branco para o regresso do central aos azuis e brancos. Oficialização do acordo com os dragões será feita esta terça-feira. Assina contrato até ao fim de 2019/20.

O bom filho a casa torna. Pepe é reforço dos azuis e brancos e, segundo apurou o JN, já estará esta terça-feira sob o comando de Sérgio Conceição, no centro de treinos do Olival, naquela que é a primeira sessão de preparação para o clássico de sábado (15.30 horas, Sport TV1), frente ao Sporting, no Estádio de Alvalade. A oficialização do acordo será feita durante o dia de hoje e, segundo fonte próxima do jogador, Pepe assinou por uma época e meia.

O defesa central, de 35 anos, volta ao F. C. Porto como jogador livre, uma vez que rescindiu o contrato que o ligava ao Besiktas, no passado mês de dezembro. Desde essa altura, Pepe definiu o regresso a Portugal como prioridade e os azuis e brancos permitiram-lhe reentrar pela porta grande, oferecendo-lhe um lugar no plantel campeão nacional, onde será orientado por Sérgio Conceição, treinador que também avalizou esta operação.

Recorde-se que foi ao serviço do F. C. Porto que o internacional português catapultou a carreira. Formado no Corinthians Alagoano, chegou a Portugal ainda com tenra idade pela porta do Marítimo, em 2001. Depois disso, ainda fez alguns treinos em Alcochete, entre outros com Cristiano Ronaldo. Bölöni gostou do que viu do central e deu aval à contratação, mas o Sporting e o clube insular não chegaram a acordo.

Em 2004, foi contratado pelo F. C. Porto, pouco tempo depois do então extremo Sérgio Conceição ter saído para o Standard Liège, da Bélgica. De dragão ao peito, Pepe venceu dois campeonatos, duas Supertaças e uma Taça de Portugal. Jogador feito e com provas dadas, foi vendido ao Real Madrid, em 2007, por 30 milhões de euros.

No clube da capital espanhola fez 10 temporadas consecutivas, ganhando tudo o que havia para ganhar. Saiu em 2017 rumo ao Besiktas, onde esteve durante época e meia. Agora regressa ao F. C. Porto, oferecendo um novo figurino à defesa azul e branca.

Tudo aponta para que o central ganhe em breve um lugar no onze. Como Maxi Pereira já não tem fôlego para a carga competitiva que o calendário portista impõe e João Pedro ainda está demasiado verde para este nível, Sérgio Conceição deve desviar Éder Militão para a lateral direita, abrindo vaga ao centro para Pepe fazer dupla com Felipe. A defesa ganha, assim, novas armas até para os duelos na Liga dos Campeões.

Confronto a custo

Na época passada, Pepe defrontou o F. C. Porto na Champions. No Dragão, subscreveu o desabafo de Quaresma e definiu o jogo como o mais difícil da vida.

89 jogos pelos dragões

Tudo aponta para que Pepe venha a ultrapassar os 100 jogos de azul e branco. Na primeira passagem somou 53 vitórias, 20 empates e 16 derrotas.

8 golos de azul e branco

Pelo F. C. Porto marcou dois na Champions e seis na Liga.

Leia a nossa Edição Impressa ou tenha acesso a todo o conteúdo no seu computador, tablet ou smartphone assinando a versão digital aqui

ver mais vídeos