Campeonato

Pinhel acolhe durante dois dias o espetáculo do drift

Pinhel acolhe durante dois dias o espetáculo do drift

Vai realizar-se em Pinhel, nos próximos dias 24 e 25, mais uma edição do Drift de Pinhel, a única prova da modalidade que conta com pilotos estrangeiros, que concorrerão à Taça Internacional de Drift.

A dupla jornada, organizada pela Câmara de Pinhel e pelo Clube Escape Livre, além da terceira prova do Campeonato de Portugal de Drift, neste momento liderado por Diogo Correia (Pro), Fábio Cardoso (Semi Pro) e Nuno Ferreira (Iniciados), também inclui a disputa da Taça Internacional , com a presença de 18 pilotos.

Entre os pilotos portugueses estão confirmados Rui Pinto, piloto embaixador do Drift de Pinhel, Marcos Vieira, vencedor da Taça de Portugal, e André Silva, vencedor da Taça Ibérica e Taça Internacional em Pinhel, em 2017 e 2018. Igualmente confirmados, Diogo Correia, Fábio Cardoso e Nuno Ferreira, que lideram o campeonato. Nos estrangeiros, o espetáculo fica a cargo dos espanhóis Martin Nos e Hector Guerrero, dos franceses Sebastien Farbos e Frank Lager, e dos suíços John Tena e Michael Perrottet.

Entre os potentes carros que o público poderá admirar, a maioria são BMW, entre eles os E30 e E36, mas também diversos Nissan 200 SX e um Opel.

Para além dos troféus das duas provas, o Drift de Pinhel 2019 conta novamente com a atribuição do Troféu Daniel Saraiva, instituído em 2017 como homenagem póstuma ao piloto que iria ser o embaixador da prova nesse ano, e que pretende premiar o fair play. O vencedor do troféu é encontrado mediante decisão conjunta da equipa CN Racing com a organização do evento.

O programa dos dois dias de adrenalina começa às 9.30 horas de sábado, com os treinos livres para a terceira prova do Campeonato de Portugal de Drift. As qualificações têm início às 15.45 horas. No domingo, o Campeonato de Portugal prossegue a partir das 11 horas, com a disputa das batalhas (duelos entre dois carros) e das finais durante.