França

Rami dispensado do Marselha de Villas-Boas

Rami dispensado do Marselha de Villas-Boas

O Marselha, treinado pelo português André Villas-Boas, rescindiu contrato com o jogador Adil Rami, após ter imposto um processo disciplinar ao internacional francês, por alegada conduta imprópria, revelou, esta terça-feira, fonte do clube à AFP.

Segundo a imprensa francesa, o defesa central, de 33 anos, falhou um treino a 20 de maio, alegando estar a recuperar de uma lesão, mas o clube descobriu que, nesse dia, Rami esteve a gravar um programa de televisão, em que faz wrestling na lama.

Inicialmente, o Marselha abriu um procedimento disciplinar ao campeão do mundo pela França em 2018 e, já hoje, segundo a mesma fonte citada pela AFP, avançou com o despedimento do jogador, que estava há duas temporadas no clube.

Antes de chegar ao Marselha, Rami destacou-se no Lille e passou por Valência, AC Milan e Sevilha.

Villas-Boas deixa de contar com um dos jogadores mais experientes, dias depois de se ter estreado na liga francesa com uma derrota caseira perante o Reims (2-0).