Euro 2019

Rui Jorge acredita que "Portugal vai dominar grande parte do jogo"

Rui Jorge acredita que "Portugal vai dominar grande parte do jogo"

O selecionador dos sub-21, Rui Jorge, disse esta segunda-feira que a formação lusa tem "boas hipóteses" de vencer a Bósnia-Herzegovina, no jogo de qualificação para o Euro 2019, em Itália.

Segundo o técnico, a equipa das quinas tem de "demonstrar a qualidade", o que lhe permite "ter boas hipóteses de vencer", explicou, em declarações à página oficial da Federação Portuguesa de Futebol.

Ressalvando que o grupo está "a trabalhar bem", o treinador apontou baterias a uma formação da Bósnia que deve entrar "agressiva e a defender bem", com uma equipa "sem grandes destaques individuais".

Rui Jorge acredita que Portugal "vai dominar grande parte do jogo" e manifestou o desejo de manter o bom início do apuramento, uma vez que "todos os jogos são importantes, porque permitem obter um final mais tranquilo e resolver a situação mais rapidamente".

O treinador espera que os jogadores da formação lusa estejam "ao melhor nível", para que Portugal possa "ser superior" em campo.

"Quem jogar vai ter oportunidade de demonstrar a sua qualidade e é isso que nós esperamos deles", acrescentou o técnico, que se mostrou satisfeito por poder reter vários atletas entre convocatórias, para que se conheçam "melhor e as ideias de jogo também".

Quanto à seleção A, que no mesmo dia defronta no Estádio da Luz a Suíça no último jogo da qualificação para o Mundial 2018, Rui Jorge revelou que todo o grupo "está a torcer" pelo apuramento para a prova, que será disputada na Rússia.

Depois da vitória sobre o País de Gales (2-0) na ronda inaugural do Grupo 8 de apuramento para o Euro 2019, Portugal é quinto classificado, mas tem apenas um jogo, contra três de galeses, Bósnia e Liechtenstein, enquanto a líder Roménia, com 10 pontos, e a Suíça, terceira, com quatro, cumpriram já quatro partidas.

A Bósnia-Herzegovina recebe Portugal no BH Football Training Centre, em Zenica, na terça-feira, pelas 14.30 horas, num encontro dirigido pelo árbitro austríaco Manuel Shuttenbruger.

Imobusiness