F. C. Porto

Sérgio Conceição foi multado mas estará no banco contra o Portimonense

Sérgio Conceição foi multado mas estará no banco contra o Portimonense

Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) aplicou uma multa ao treinador do F. C. Porto, no valor de 765 euros, pela expulsão no dérbi da Invicta, frente ao Boavista, no Bessa.

"O agente [Sérgio Conceição] foi considerado expulso porque após a obtenção do golo da sua equipa, dirigiu-se ao banco da equipa visitada, festejou o golo de forma efusiva com os punhos cerrados e gritou repetidamente: 'Tomem c..., tomem c...'. Com esta atitude provocou um confronto entre jogadores e elementos oficiais de ambas as equipas", pode ler-se no mapa de castigos referente à pretérita jornada do campeonato nacional. Sérgio Conceição estará, assim, no banco de suplentes para orientar a equipa, sexta-feira, no Dragão, contra o Portimonense.

O F. C. Porto, recorde-se, venceu o Boavista, por 0-1, sendo que o golo da vitória foi alcançado no último minuto dos descontos (90+5). Ainda na primeira parte, quem também recebeu ordem de expulsão foi o diretor geral portista. Luís Gonçalves foi igualmente multado em 765 euros e suspenso por 16 dias.

"O agente [Luís Gonçalves] foi considerado expulso porque após uma decisão da equipa de arbitragem, saiu do banco de suplentes e disse repetidamente com os braços no ar: 'Isto é uma vergonha, isto é uma vergonha'. Após ordem de expulsão voltou a dizer a mesma frase por três vezes", lê-se igualmente no mapa de castigos.