Desporto

Sevilha coloca-se em vantagem sobre o Zenit na Liga Europa

Sevilha coloca-se em vantagem sobre o Zenit na Liga Europa

O Sevilha, detentor do troféu, colocou-se, quinta-feira, em vantagem sobre o Zenit São Petersburgo, após a primeira mão dos quartos de final da Liga Europa de futebol, numa ronda marcada pela goleada do Nápoles na Alemanha.

A jogar em casa, o Sevilha venceu o Zenit, por 2-1, num jogo em que deu a volta ao resultado na segunda parte, depois de Ryazantsev ter dado vantagem à formação russa, comandada por André Villas-Boas, aos 29 minutos.

O colombiano Bacca e Denis Suarez, jogadores que iniciaram a partida no banco de suplentes, protagonizaram a recuperação sevilhana, com remates certeiros aos 73 e 88 minutos, respetivamente.

Do lado da formação espanhola, Diogo Figueiras não saiu do banco de suplentes, enquanto o guarda-redes Beto e o defesa Daniel Carriço falharam o encontro devido a lesão.

Carriço perdeu mesmo a possibilidade de somar o seu 45.º jogo na Liga Europa e tornar-se no futebolista com mais aparições na competição. Para já, continua a repartir esse estatuto com o paraguaio Óscar Cardozo, antigo jogador do Benfica e que agora atua nos turcos do Trabzonspor.

No Zenit, Neto foi titular, enquanto Danny falhou o jogo em Sevilha devido a castigo, assim como o brasileiro Hulk, uma das principais figuras da equipa russa e antigo jogador do F. C. Porto.

Na Alemanha, o Nápoles praticamente garantiu a passagem às meias-finais com uma inesperada vitória por 4-1 sobre o Wolfsburgo, equipa responsável pela eliminação do Sporting na Liga Europa desta época.

O eslovaco Hamsik, com um "bis" aos 23 e 64 minutos, foi a grande figura, depois de o argentino Higuain ter inaugurado o marcador, aos 15, num lance em que teve a ajuda do seu braço direito, enquanto Gabbiadini fechou a contagem, aos 77.

Perto do final, aos 80 minutos, o dinamarquês Bendtner fez o tento de honra do Wolfsburgo, que teve o português Vieirinha a tempo inteiro.

Na Ucrânia, o Dinamo Kiev esteve perto ficar em vantagem na eliminatória perante a Fiorentina, mas os italianos empataram a partida já nos descontos (1-1), num jogo em que Antunes saiu lesionado. O lateral português saiu tocado, aos 24 minutos, enquanto Miguel Veloso não foi utilizado devido a problemas físicos.

Com alguma sorte à mistura, o holandês Lens colocou o Dinamo Kiev em vantagem, aos 36 minutos, mas o senegalês Babacar refez a igualdade no marcador, aos 90+2.

Na Bélgica, Club Brugge e Dnipro empataram a zero, num jogo em que o extremo luso Bruno Gama entrou na equipa ucraniana, aos 80 minutos.

Os jogos da segunda mão estão agendados para 23 de abril.

Imobusiness