Futebol

Vitória de Guimarães consegue reviravolta no Dragão e vence F. C. Porto

Vitória de Guimarães consegue reviravolta no Dragão e vence F. C. Porto

O F. C. Porto perdeu (2-3), este sábado, frente ao Vitória de Guimarães em jogo a contar para a terceira jornada da Liga. Os dragões estiveram a ganhar por 2-0. Há 22 anos que os vimaranenses não ganhavam no Estádio do Dragão.

A equipa da casa chegou ao golo aos 37 minutos, com um golaço de Brahimi. O argelino atirou da meia-lua, sem dar hipótese de defesa a Douglas, dedicando o golo a Marega que, este sábado, voltou a ser convocado.

Ao minuto 38, Luís Castro foi obrigado a fazer uma substituição, com a saída de Amoah, devido a lesão. Pouco depois, ao minuto 43, André Pereira ampliou o resultado. Após um livre de Alex Telles para o coração da área, André Pereira cabeceou para o primeiro golo com a camisola do F. C. Porto. O tento levou a queixas da equipa vimaranense, que alegou fora-de-jogo. Ao intervalo, o Conselho de Arbitragem informou que o VAR não interveio entre o minuto 15 e 45 devido a um problema técnico.

Quando parecia ter o jogo controlado, o impensável aconteceu na segunda parte. André André, ao minuto 63, reduziu após uma grande penalidade e Tozé igualou o marcador. Após um cruzamento de Florent, o atacante ficou sozinho na entrada da área e fez o 2-2.

Ao minuto 87, balde de água fria no Estádio do Dragão: Com um golo de Davidson, assistido por um atraso de Welthon, colocou o Vitória de Guimarães na frente do marcador e deu o triunfo à equipa de Luís Castro. Em desvantagem, a equipa de Sérgio Conceição ainda foi atrás do resultado, mas Douglas, com enormes defesas nos minutos finais, impediu o F. C. Porto de chegar ao empate, negando o golo a Marega e a Herrera,

Na próxima jornada, o F. C. Porto recebe o Moreirense e o Vitória de Guimarães recebe o Tondela.

ver mais vídeos