Gil Vicente

Ivo Vieira: "Os jogadores e o universo gilista estão a viver um momento histórico"

Ivo Vieira: "Os jogadores e o universo gilista estão a viver um momento histórico"

Ivo Vieira, treinador do Gil Vicente, reconheceu alguma ansiedade e que a equipa teve a sorte do jogo, na vitória por 4-0 na segunda mão da terceira pré-eliminatória da Liga Conferência Europa, que colocou os gilista no play-off.

"Os jogadores e o universo gilista estão a viver um momento histórico porque pela primeira vez passaram uma eliminatória europeia, por mérito próprio, os jogadores trabalharam muito. Nós também sentimos muita ansiedade do jogo. É um momento feliz e isso refletiu-se nas bancadas. Um bem-haja aos nossos adeptos e sócios que nos apoiaram", começou por salientar o técnico do conjunto de Barcelos.

E prosseguiu: "Vamos tentar fazer melhor, os jogadores deram tudo, tiveram compromisso, mas o resultado não espelha o que se passou no jogo. Em termos de qualidade, temos que acrescentar muito mais. Foi suficiente agora, com a felicidade do jogo, mas para o futuro tem que ser com mais qualidade".

PUB

Ivo Vieira reconhece que teve a estrelinha do jogo. "Tivemos a sorte do jogo ao estar a ganhar 3-0 ao intervalo, muitas vezes é preciso. O Riga estava ao nosso alcance, mas não tinha uma equipa assim tão limitada".

O calendário não é favorável - a equipa tem quatro jogos em 10 dias -, contudo, o treinador gilista desvaloriza. "É bom viver com estas dores, é um calendário difícil, mas como líder interpreto isso de outra forma e se estivesse no lugar dos jogadores encarava como uma mais valia jogar a meio e no fim da semana. Esta é uma competição que lhes dá visibilidade", frisou.

Quando ao adversário, os holandeses do AZ Alkmaar, que goleou por 7-0, o técnico preferiu valorizar os golos da equipa. "Fizemos cinco na eliminatória e sofremos um, temos feito golos nos jogos oficiais todos. Temos que ser muito melhores em termos de qualidade se queremos ombrear com equipas como as que vamos jogar na próxima eliminatória e também já na segunda-feira em Arouca, temos que ter os níveis de concentração muito altos para termos um bom resultado, senão vai ser muito difícil", anotou.

Ivo Vieira mostrou-se satisfeito com o plantel. "Não choro pelo que não tenho, adapto-me bem à realidade do clube, são estes que temos, são estes que queremos potenciar. Comigo, quem rende, joga. Todos trabalham para conseguir o seu espaço", realçou, contudo, não esconde que gostaria que o avançado Fran Navarro não fosse vendido, mas entende que seja bom para o clube se tal acontecer. "É importante que qualquer jogador fique e também que saia para ajudar financeiramente o clube. Se ele ficar é bom, se sair é bom para o Gil Vicente", finalizou.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG