Futebol

Jesus garante que eleições "não mexem" com equipa do Benfica

Jesus garante que eleições "não mexem" com equipa do Benfica

Jorge Jesus garantiu, nesta manhã de quarta-feira, no Seixal, que a atual campanha eleitoral no Benfica "não mexe com jogadores nem com treinadores". "Sei pela minha experiência que isso não acontece", afirmou, no lançamento da partida com o Freamunde, da Taça de Portugal, a realizar amanhã (20.15 horas/Sport Tv 1) no campo do adversário.

Para este encontro, o treinador assume que não pode contar com os futebolistas sul-americanos convocados para as seleções e deixa dúvidas sobre Matic e Rodrigo. "Ainda não sabemos quando chegam". Relativamente a Cardozo, que tem estado ausente por lesão, assegurou o seu regresso. "Ainda faltam dois treinos, mas, se nada acontecer, vai jogar".

O objetivo da equipa passa, mais uma vez, por tentar conquistar o troféu. "Na Taça, nem sempre os melhores vencem. Os mais pequenos têm sempre a esperança de consegui-lo. E, para mim, é sempre uma ambição, pois ainda não a ganhei a prova", disse. Admite que o Benfica "tem mais valor do que o Freamunde" mas a prova terá de ser feita no campo.

Na terça-feira, a águia defronta o Spartak de Moscovo. Jesus salienta que "há uma adrenalina muito forte nos jogos da Champions". "Depois há uma descompressão enorme. Temos de saber viver com isso".

Finalmente, abordou ainda o empate da seleção nacional frente à Irlanda do Norte. "Nada está perdido. Estes resultados surpresa não acontecem só a Portugal. Também vão acontecer à Rússia"

Outras Notícias