Futebol

João de Deus confirma reunião de Jorge Jesus com o Flamengo

João de Deus confirma reunião de Jorge Jesus com o Flamengo

João de Deus, treinador adjunto de Jorge Jesus, explicou que o treinador de 67 anos não quer sair do Benfica.

"Houve um encontro com os nossos amigos do Flamengo, devidamente autorizado pelo Benfica, em que o mister disse que não pode e não quer abandonar o Benfica. Quer ganhar títulos no Benfica. Esse propósito mantém-se inalterado, cada vez com mais convicção. Que isto fique bem claro. Essa é uma mensagem transmitida pelo mister Jorge Jesus. Acabaram as dúvidas sobre este tema", referiu João de Deus, que participou na conferência de imprensa de antevisão ao encontro de quinta-feira (20.45 horas) frente ao F. C. Porto, a contar para os oitavos de final da Taça de Portugal, devido à suspensão de Jesus.

Jorge Jesus e Sérgio Conceição não vão orientar as respetivas equipas no banco de suplentes, por estarem castigados pelo Conselho de Disciplina. João de Deus considera que "para o bem do futebol" os dois treinadores deveriam estar presentes no jogo. "Traria mais espetáculo e mais encanto ao clássico. Eu e o meu colega - Vítor Bruno - tentaremos fazer o que os treinadores principais foram trabalhando ao longo da semana. O que seria interessante e aceitável é que quem decide, quem toma as decisões, quem pensa as ideias para os jogos, estivesse ao comando da equipa", explicou.

Relativamente à partida, João de Deus acredita que pode ser um "jogo mais aberto porque tem de haver uma decisão". O técnico-adjunto elogiou as transições ofensivas do F. C. Porto, mas reforça que o Benfica está "alerta" para as dinâmicas dos dragões.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG