Benfica

João de Deus: "Temos de estar frustrados e chateados com o resultado e melhorar"

João de Deus: "Temos de estar frustrados e chateados com o resultado e melhorar"

João de Deus, que voltou a substituir Jorge Jesus no comando da equipa, considera que as águias fizeram o suficiente para vencerem o V. Guimarães, na Luz, e que a equipa merecia mais do que o empate (0-0).

"O que há a dizer? Um jogo em que fomos dominantes, em que merecíamos ter vencido, mas não vencemos e a explicação está na nossa menor capacidade na zona de decisão. Até aí, tudo bem, com a equipa a criar, a envolver os corredores laterais, a conseguir jogar pelo corredor central e a conseguir chegar à zona de decisão. Aí não conseguimos marcar. Dos 23 remates que fizemos, dos nove cantos, dos mais de 600 passes que fizemos, nada deu em golo", começou por referir o treinador adjunto.

E prosseguiu: "Temos de estar frustrados e chateados com o resultado e melhorar. Este jogo resume-se à nossa incapacidade para fazer golos. Fomos tentando mexer no jogo, metendo mais avançados para ver se dava para criar oportunidades ou proporcioná-las aos colegas. Não aconteceu, logicamente estamos desapontados, queríamos muito vencer, fizemos o suficiente à exceção do que se passou na zona de decisão".

João de Deus abordou as substituições, justificando a entrada de Darwin. "O que procurámos foi chegar ao golo, sentimos que a equipa estava a jogar bem, estava confiante e dominante, fomos tentando mexer com o jogo para tentar finalizar mais, tentar fazer golos. Infelizmente não conseguimos. Hoje [sexta-feira], parece-me que a equipa merecia muito mais do que conquistou", frisou.

Já sobre a distância de 11 pontos para o líder Sporting, o adjunto de Jesus disse "não haver como dar a volta a isso". "Temos uma desvantagem pontual para as equipas que estão à nossa frente, há que fazer melhor no futuro para ir à procura de encurtar distâncias", finalizou

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG