Espanha

Jogador do Levante preso e acusado de organização criminosa

Jogador do Levante preso e acusado de organização criminosa

Toño Garcia, defesa do Levante, foi preso esta sexta-feira por atividade criminosa. O clube já lhe garantiu todo o apoio.

Toño Garcia, companheiro de equipa do português Rúben Vezo no Levante, da Liga espanhola, foi detido, esta sexta-feira, e acusado, entre outros crimes, de extorsão.

De acordo com o AS, o defesa do Levante é um dos sete detidos numa investigação levada a cabo pelas autoridades espanholas, sendo acusado, além de extorsão, de organização criminosa, ameaças de morte, falsificação de documentos e branqueamento de capitais.

Perante o sucedido, o Levante emitiu um comunicado a oferecer apoio a Toño Garcia e à família, revelando desconhecer oficialmente o motivo por que o jogador foi detido.