Futebol

Jogadores leiloam camisolas autografadas para ajudar instituições sociais

Jogadores leiloam camisolas autografadas para ajudar instituições sociais

Vários jogadores portugueses e estrangeiros uniram-se à iniciativa "OneGoalOnly" e ofereceram camisolas autografadas para serem leiloadas, com o objetivo de ajudar entidades nacionais e internacionais que prestam apoio social durante a pandemia do covid-19.

Bruno Fernandes e Diogo Dalot (Manchester United), Gedson Fernandes (Tottenham), João Cancelo (Manchester City), Pedro Neto (Wolverhampton), Felipe (Atlético de Madrid), Otávio, Alex Telles, Fábio Silva e Soares (F. C. Porto) e Tomás Tavares (Benfica) são alguns dos futebolistas que aceitaram o desafio lançado por Filipe Macedo Alves, agente de jogadores, que trabalha na D20 Sports, empresa do antigo internacional Deco.

"Falei com vários jogadores e eles mostraram-se bastante recetivos a contribuir. Conforme a iniciativa for crescendo, vou tentar leiloar camisolas de outros futebolistas conhecidos do grande público. O objetivo é que mesmo quando acabar esta pandemia possamos continuar com os leilões e tentar ajudar outras causas. Com certeza com menos frequência, mas há sempre quem precise de um apoio suplementar", avançou ao JN Filipe Macedo Alves.

Na esperança de que ainda mais atletas se unam a esta causa, o promotor da iniciativa pretende leiloar duas camisolas por semana, sendo que cada futebolista elege a instituição ou entidade para a qual reverterá a totalidade do valor angariado. Ao vencedor será entregue a camisola oficial do clube que o jogador representa, com um autógrafo e uma mensagem personalizada.

A primeira camisola a ser leiloada será a do médio brasileiro Otávio, número 25 dos dragões, e as licitações começam já nesta sexta-feira e terminam na próxima segunda, dia 27, e podem ser feitas nos comentários da publicação na página do Instagram da "@onegoalonly.help" e o vencedor será anunciado nas "stories". O valor inicial é de 150 euros, a licitação mínima é de 10 euros.

Outras Notícias