Benfica

Jorge Jesus faz 'mea culpa': "Na segunda parte mexi e piorei a equipa"

Jorge Jesus faz 'mea culpa': "Na segunda parte mexi e piorei a equipa"

Na análise ao triunfo pela margem mínima sobre o Paredes, o treinador do Benfica assume que teve culpas no cartório, mas não deixou de fazer alguns reparos aos jogadores.

"Estes jogos são sempre complicados. É verdade que o Benfica esteve melhor nos primeiros 45 minutos do que nos segundos. Na primeira parte tivemos uma qualidade de jogo muito boa, praticamente não deixámos o Paredes sair do meio campo defensivo e tivemos oportunidades fáceis, na cara do golo, do Cervi e do Ferreyra. Acabámos por fazer um golo de bola parada, numa jogada trabalhada. Depois, na segunda parte mexi no jogo, porque os nossos dois avançados não estavam a dar continuidade ao nosso jogo, mas mexi e piorei a equipa", admitiu Jorge Jesus.

Mais tarde, o treinador esclareceu que não ficou desiludido com Gonçalo Ramos e Ferreyra, mas acrescentou que "esperava mais" do atacante português.

"Este jogo serviu para compararmos a realidade do que é o valor de alguns jogadores. Jogámos contra uma equipa do Campeonato de Portugal e muitos não fizeram a diferença. Importante era vencer e passámos justamente. Podíamos ter feito outro resultado, o Paredes não teve uma chance de golo, mas foi bem organizado defensivamente e criou-nos algumas dificuldades", prosseguiu Jesus.

Sobre a eventual necessidade de reforçar a defesa no mercado de janeiro, o treinador do Benfica escapou assim: "Temos de melhorar a última linha. Foi muito mexida com lesões e com a saída de um central (Rúben Dias), mas com o tempo vou voltar a reorganizar a nossa última linha. Se começou forte, vai voltar a ser forte".

Outras Notícias