Inglaterra

José Mourinho admite que falhou "protocolo do Governo" com treino no parque

José Mourinho admite que falhou "protocolo do Governo" com treino no parque

José Mourinho, treinador do Tottenham, admitiu esta quarta-feira que o comportamento que teve não esteve "de acordo com o protocolo do Governo", depois de ter sido apanhado com alguns jogadores a violar as diretrizes de distanciamento social.

"Aceito que as minhas ações não estejam de acordo com o protocolo do governo [para o combate à Covid-19] e devemos ter contacto apenas com os membros de nossa própria casa", disse José Mourinho, citado pela comunicação social britânica.

Segundo desvendam fotografias e vídeos publicados nas redes sociais, José Mourinho foi apanhado no parque Hadley Common, em Londres, aparentemente a dar uma sessão de treino ao médio francês Tanguy Ndombélé.

Também os defesas Davinson Sanchez e Ryan Sessegnon foram filmados a correr lado a lado no mesmo espaço verde da capital inglesa. O lateral costa-marfinense Serge Aurier postou um vídeo de si mesmo no Instagram, correndo ao lado de um colega.

"É vital que todos participemos e sigamos as orientações do governo para apoiar os nossos heróis do sistema nacional de saúde e salvar vidas", admitiu o treinador, a quem foi pedido pelo prefeito de Londres, Sadiq Khan, para ser um exemplo.

Após o treinador português e alguns atletas terem sido apanhados a quebrar as regras de distanciamento social, o Tottenham alertou os seus futebolistas para manterem o distanciamento social quando treinarem, devido à pandemia.

"Lembramos a todos os nossos jogadores que respeitem o princípio do distanciamento social quando treinarem ao ar livre", disse na terça-feira um responsável dos "Spurs", citado pela imprensa britânica.

O elemento do clube londrino da Premier League, competição que se encontra suspensa desde março por causa da pandemia, no qual alinha o médio luso Gedson Fernandes, acrescentou que "é uma mensagem que deve continuar a ser reforçada".

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG