Sporting

José Peseiro despedido

Frederico Varandas, presidente do Sporting, despediu o treinador José Peseiro ontem, após a derrota (1-2), em Alvalade, com o Estoril Praia, para a Taça da Liga. A dispensa tem efeitos imediatos, apurou o JN junto de fonte próxima do processo.

Peseiro terminou o encontro de ontem a ouvir insultos e pedidos de demissão das bancadas, mas o nosso jornal sabe que já desde a derrota em Portimão o técnico estava na corda bamba, pelo que ao mínimo deslize corria o risco de ser afastado do cargo.

O despedimento de Peseiro surge após um desaire inesperado, frente a um adversário teoricamente inferior, mas que não coloca em causa as ambições leoninas na Taça da Liga. E no campeonato, a equipa de Alvalade está a apenas dois pontos da liderança, partilhada por F. C. Porto e Sp. Braga.

Nesta altura, o nosso jornal sabe que Paulo Sousa é o preferido de Varandas para suceder a Peseiro. Leonardo Jardim é um nome que já foi discutido, mas o técnico, que deixou recentemente o Mónaco, prefere prosseguir a carreira no estrangeiro e espera dar o salto para o futebol inglês de onde já recebeu abordagens informais. Jorge Jesus também não poderá ser descartado desta equação, embora esteja vinculado ao Al-Hilal da Arábia Saudita.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG