Espanha

Koeman rompe silêncio com duro ataque a Laporta

Koeman rompe silêncio com duro ataque a Laporta

Despedido do Barcelona em outubro, o treinador Ronald Koeman rompeu o silêncio e teceu duras críticas ao presidente do clube, Joan Laporta: "Disse-me mil vezes que Xavi não seria o seu treinador porque lhe faltava experiência". Xavi Hernández é o atual técnico do Barça.

Em entrevista ao "Algemeen Dagblad", o técnico holandês lamentou as circunstâncias em que saiu de Espanha. "Não me deram o tempo que está a ser dado a Xavi. Neste momento, Pedri e Dembélé voltam a estar em forma, a equipa está toda operacional".

O técnico, que esteve um ano e meio à frente dos catalães, sentiu-se traído. "Eu não era o treinador de Laporta. Tive essa sensação desde o primeiro momento, faltou-me apoio. O dinheiro nunca foi o mais importante para mim, tinha muita vontade de triunfar no clube mas Laporta não me tinha escolhido".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG