Benfica - Sporting

"Leões" testam invencibilidade, "águias" querem a Champions

"Leões" testam invencibilidade, "águias" querem a Champions

O Sporting procura no sábado manter a invencibilidade na I Liga de futebol, num dérbi lisboeta da 33.ª jornada em que o Benfica está obrigado a vencer para ainda poder alcançar o acesso direto à Liga dos Campeões.

No Estádio do Luz, e depois de garantida a conquista do título, que fugia há 19 anos, a equipa de Alvalade vai tentar continuar sem derrotas e ficar ainda mais perto de se tornar a primeira equipa a terminar uma época com o estatuto de imbatível, num campeonato com mais de 30 rondas.

Por seu lado, o Benfica recebe o rival lisboeta com todas as atenções viradas para a entrada direta na fase de grupos da Champions, apesar de já ter garantido pelo menos um lugar nas pré-eliminatórias.

Com apenas três dias de descanso, a equipa de Rúben Amorim deverá chegar à Luz ainda com algumas "sequelas" dos festejos que duraram até bem de madrugada de quarta-feira e terá algumas baixas importantes, como lateral espanhol Pedro Porro, lesionado, e o central marroquino Feddal, castigado.

Por isso mesmo, o veterano João Pereira, que rendeu Porro frente ao Boavista (1-0), deverá manter-se na ala direita, enquanto Luís Neto é o principal candidato a ocupar o lugar de Feddal.

Além do recorde da invencibilidade, o Sporting tem ainda Pedro Gonçalves na luta com o benfiquista Haris Seferovic pelo título de melhor marcador da I Liga, com ambos a chegarem a esta fase com 18 golos marcados.

PUB

Esta temporada, os "leões" venceram o Benfica no duelo da primeira volta, em Alvalade, por 1-0, com um golo nos descontos de Matheus Nunes, mas, na última época, já com Rúben Amorim no comando, saíram derrotados da Luz (2-1), naquele que é até hoje o último desaire do técnico de 36 anos, em jogos a contar para o campeonato.

Agora com Jorge Jesus no comando, o Benfica procura novamente bater o Sporting na Luz para se poder "gabar" de ser a única equipa que conseguiu bater os campeões no campeonato, embora o Marítimo, que afastou os "leões" da Taça de Portugal, também ainda tenha essa possibilidade na última ronda.

Além disso, caso não vença, a equipa da Luz termina o ano desportivo sem conseguir bater os seus dois principais rivais (empatou os dois jogos com o F. C. Porto), numa época em que investiu forte, com cerca de 100 milhões de euros gastos em contratações de jogadores e também com o regresso de Jesus.

Em terceiro lugar, a vitória é mesmo obrigatória para o lado dos "encarnados", para poder ainda aspirar ao acesso direto à Liga dos Campeões, embora, mesmo vencendo, esse objetivo possa cair por terra poucas horas depois, já que o F. C. Porto, segundo, joga no terreno do Rio Ave.

Um triunfo coloca provisoriamente o Benfica a um ponto dos "dragões", mas uma vitória da equipa de Sérgio Conceição em Vila da Conde deixa automaticamente os "encarnados" sem possibilidade de entrar diretamente na Champions da próxima época.

Depois de ter poupado alguns dos habituais titulares na última jornada, no campo do lanterna-vermelha Nacional (3-1), Jesus deverá fazer regressar figuras como Grimaldo, Pizzi e Everton ao onze, ficando a dúvida da possível utilização de três centrais por parte do técnico português.

Na Madeira, o jovem Gonçalo Ramos esteve em destaque com dois golos e poderá ser uma surpresa no onze do Benfica.

O encontro entre o Benfica, terceiro classificado, e o já campeão Sporting, da 33.ª e penúltima jornada da I Liga portuguesa de futebol, está agendado para as 18 horas de sábado, no Estádio da Luz, em Lisboa.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG