Exclusivo

Liga dos Campeões: PSP prepara duas zonas no Porto para conter ingleses sem bilhete

Liga dos Campeões: PSP prepara duas zonas no Porto para conter ingleses sem bilhete

A PSP, atenta aos mais radicais, entra já esta quinta-feira em campo. Quem não tem bilhete para a final do Dragão, ficará nas "fanzones".

A PSP vai mobilizar cerca de 500 polícias para concretizar o plano de segurança definido para a final da Liga dos Campeões, marcada para depois de amanhã, no Dragão. O número de agentes pretende fazer face aos 16500 adeptos que estarão no recinto e também aos ingleses que viajarão para Portugal sem bilhete para assistir ao jogo, mas obrigatoriamente testados à covid-19. Muitos deles, antecipa a PSP, têm ligação aos núcleos mais radicais do Manchester City e do Chelsea e estão conotados com atos de hooliganismo. Todos os adeptos que não tenham ingressos para o Dragão serão encaminhados e controlados pelas forças de segurança nas duas "fanzones" criadas na cidade do Porto, na Avenida dos Aliados e junto à Alfândega.

O plano de segurança ainda não está finalizado, mas o JN apurou que as normas impostas e o dispositivo montado no terreno será em tudo semelhante ao utilizado em eventos como a Cimeira Social. Ou seja, cerca de meio milhar de efetivos foram destacados e alguns começarão a fiscalizar as ruas portuenses já hoje.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG