Liga

Luís Freire quer um Rio Ave a olhar primeiro para si frente a Benfica moralizado

Luís Freire quer um Rio Ave a olhar primeiro para si frente a Benfica moralizado

O treinador do Rio Ave, Luís Freire, prometeu um Rio Ave de "superação" para tentar causar uma quebra no percurso do líder Benfica, no duelo entre as duas equipas, este sábado (18 horas), da nona jornada da Liga.

"É um adversário com grande capacidade finalizadora, que costuma ter 70% de posse de bola, 20 remates por jogo em casa e um domínio avassalador. Temos de superar-nos para conseguirmos o que queremos, olhando para a outra baliza e marcar golos", disse o técnico dos vila-condenses, Luís Freire.

Questionado se espera o Benfica que empatou com o Vitória de Guimarães, para o campeonato, na última jornada, ou aquele que arrancou uma igualdade ao colosso Paris Saint-Germain, recentemente, na Liga dos Campeões, Luís Freire mostrou-se mais preocupado com aquilo que Rio Ave pode fazer.

PUB

"Não é pelo facto de o Benfica estar muito bem que vai estar sempre muito bem, ainda reconhecendo que está a realizar um excelente campeonato. Interessa-nos estar no nosso melhor, porque o que vai fazer o Benfica não depende de nós. Queremos estar muito comprometidos em campo", disse o técnico.

O conjunto vila-condense já defrontou, até ao momento, F. C. Porto, Sporting e Sporting de Braga, e Luís Freire tem notado uma evolução na sua equipa, considerando que o Rio Ave "não está apenas melhor a defender, como também evoluiu na consistência com bola".

"Logo à quarta jornada vencemos o F. C. Porto. Na sexta ronda, com o Sporting de Braga, demos uma resposta interessante e apesar de em Alvalade [frente ao Sporting] não termos sido tão bons como em casa, mostrámos que temos uma equipa brava. Vamos tentar, agora, dar outra boa resposta, sabendo que este jogo vai dar-nos ainda mais experiência", vincou o treinador do vila-condenses.

Luís Freire reconheceu, ainda assim, os desafios de enfrentar um Benfica "que está moralizado com o primeiro lugar do campeonato e pela boa exibição frente ao Paris Saint-Germain", garantindo um Rio Ave "confiante" de que pode dar uma boa resposta.

"A confiança tem aumentado e estamos dentro dos objetivos iniciais, mas queremos mais. Vai ser um duelo difícil, contra o primeiro classificado, mas temos de olhar para o nosso jogo. O campeonato não acaba agora e vamos continuar a crescer. Seja qual for o adversário, vamos disputar um jogo para ganhar", vincou o treinador do Rio Ave.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG