Clubes

Luis Nazaré demite-se da Assembleia Geral do Benfica

Luis Nazaré demite-se da Assembleia Geral do Benfica

Em confronto com o modelo defendido pela direção presidida por Luís Filipe Vieira para as próximas assembleias gerais do Benfica, Luís Nazaré apresentou a demissão do cargo de presidente da Mesa da Assembleia Geral.

Ao fim de 10 anos a conduzir os trabalhos da reunião magna do Benfica, Luís Nazaré bateu com a porta, depois de entrar em desacordo total com posição defendida pela Direção do clube em relação ao modelo em que devem decorrer as várias assembleias que se aproximam, nomeadamente quanto ao sistema de sufrágio, como especificou na carta de demissão.

"A razão [para a demissão] é a insuperável incompatibilidade de posições com a Direcção acerca do formato e do sistema de sufrágio da próxima Assembleia Geral do clube. Face ao actual contexto, só o modelo digital assegura as normas sanitárias e a participação alargada dos sócios do Sport Lisboa e Benfica - é este o meu entendimento", avança Luís Nazaré, que vinca ter sido "uma honra" ter exercido durante mais de dez anos as funções de presidente da Mesa da Assembleia Geral e deseja "os maior sucessos ao nosso clube".