Desporto

Messi e Ronaldo no escaldante despique goleador nos 41 "graus"

Messi e Ronaldo no escaldante despique goleador nos 41 "graus"

O Real Madrid apresenta-se sábado no Nou Camp, face ao campeão FC Barcelona, com quatro pontos de avanço, a cinco rondas do fim da prova. O Messi e Ronaldo, ambos com 41 golos, são os protagonistas do duelo mais quente do futebol espanhol.

O português Cristiano Ronaldo (Real Madrid) e o argentino Lionel Messi (FC Barcelona) têm travado um alucinante despique goleador na Liga espanhola de futebol 2011/2012, seguindo ambos com o "estratosférico" registo de 41 golos, após 33 jornadas.

O facto de o internacional luso ter fechado a época transata com 40 golos, um recorde da prova que lhe valeu uma segunda "Bota de Ouro", mostra bem a dimensão do que estão a fazer os dois jogadores, com cinco rondas por disputar (35.ª à 38.ª e 20.ª, em atraso).

O argentino começou melhor e somava mais três golos (13 contra 10) à 11.ª ronda, mas o "7" madrileno respondeu e chegou a comandar por quatro (27 contra 23), nomeadamente à 23.ª jornada.

Mas, concluída a 34.ª ronda, Ronaldo e Messi seguem empatados, em vésperas de se defrontarem pela segunda vez esta época na prova e após terem ficado em "branco" na primeira volta, no triunfo do "Barça" em Madrid (3-1).

Com o "Barça" a quatro pontos, depois de ter estado a 10, o confronto de sábado, no Nou Camp, "ultrapassa" esta luta particular, mas o "duelo" bem poderá ser decidido pelo que fizerem as maiores individualidades de cada conjunto.

Ao longo do campeonato, Cristiano Ronaldo ficou em "branco" em 11 ocasiões, mas apenas em duas nos últimos 12 jogos, nos quais totalizou 17 golos, incluindo dois "hat-tricks" e três "bis".

Por seu lado, Messi marcou nas últimas 10 jornadas que disputou (18 golos), sendo que falhou a 26.ª, por castigo -- o português, que ainda não perdeu qualquer jogo (disputou 33 contra 32 do argentino), está a um amarelo da suspensão.

Se o português e o argentino seguem empatados na Liga espanhola, em termos globais a vantagem é do "10" catalão, que já marcou 63 golos oficiais pelo "Barça", aos quais junta ainda cinco pela seleção argentina: 68, em 60 jogos.

Destaque para os 14 tentos na Liga dos Campeões - um recorde na "era Champions" -, cinco dos quais marcados num só jogo, outro feito inédito desde 1992/93, na receção ao Bayer Leverkusen (7-1, a 07 de março), batizada como a "manita de Deus".

Por seu lado, Cristiano Ronaldo marcou 53 pelo Real Madrid, em 49 jogos, e mais seis em outros tantos encontros pela formação das "quinas", que ajudou a qualificar para o Euro2012, para um total de 59, em 55 embates.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG