Surf

"Meu nome é Frederico Morais e vão ouvir falar muito de mim"

"Meu nome é Frederico Morais e vão ouvir falar muito de mim"

Frederico Morais foi recebido em euforia no aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, após ter assegurado a qualificação para circuito mundial de surf do próximo ano. Kikas, como é conhecido pelos amigos, vai ser o segundo português a integrar a elite da modalidade, depois de Tiago Pires, e cumprir um sonho com 17 anos.

Com apenas sete anos, Frederico Morais prometeu a uma revista da especialidade dar que falar. Uma promessa cumprida com a qualificação para o circuito mundial, no Brasil e Havai. "Olá. Meu nome é Frederico Morais, tenho sete anos e ainda vão ouvir falar muito de mim", este era o texto, escrito pela mãe, que acompanhava a fotografia enviada para a SurfPortugal, num prenúncio para o sucesso agora alcançado.

"Naquela altura, acho que ainda não tinha sonhado com isto. Há uns dias voltei a ler a carta e desatei a rir, foi um momento único. Acho que naquela altura sentia que tinha uma força especial, um querer levar Portugal às bocas do mundo e acho que o consegui em 2016", afirmou Frederico Morais, agora com 24 anos, em entrevista à agência Lusa.

"Confiei sempre e sabia perfeitamente que era capaz. Quando fui para o Brasil, depois do campeonato de Cascais, e para o Havai, tenho a certeza que muita gente achava que era impossível", recordou Frederico Morais.

Frederico Morais não esconde a satisfação com a qualificação alcançado e já aponta para um ano de sucessos. "Estou muito feliz e muito aliviado por ter alcançado o meu maior objetivo. Agora é regressar em casa, assentar bem os pés na terra, celebrar um bocadinho, mas focar-me em 2017 e preparar-me para um grande ano", concluiu.