Óbito

Morreu o ex-empresário de Hulk e Maradona

Morreu o ex-empresário de Hulk e Maradona

Juan Figer, responsável pela ida de Maradona para o Nápoles, faleceu aos 87 anos de idade, vítima de paragem cardíaca. O empresário de futebol uruguaio também esteve envolvido na vinda de Hulk para o F. C. Porto e deixa para trás um legado de envolvimento em grandes transferências.

Figer foi um dos pioneiros no mundo dos empresários de futebol e um dos mais influentes no futebol brasileiro nas últimas décadas. Em 1969 abriu uma agência no Brasil, antes mesmo da regulamentação da profissão de agente pela FIFA, tendo participado em diversas negociações de jogadores de renome, como Maradona, Sócrates, Casagrande e Dunga. Mais tarde foi um dos responsáveis pela contratação de Hulk, que brilhou durante vários anos ao serviço do F. C. Porto, como conta Pinto da Costa no programa "Ironias do Destino".

"Hulk jogava no Japão, creio que na terceira divisão. Conseguimos contratá-lo por influência do empresário dele. Nós queríamos reforçar a equipa com um atacante, mas que estivesse dentro das nossas possibilidades, que não eram muitas. Apareceu um empresário, o [Juan] Figer, que nos apresentou um jogador. Garantia-nos qualidade, vimos vídeos e havia um aspeto curioso. Ele dizia que o jogador conhecia Portugal, que se podia adaptar porque tinha jogado no Vilanovense. Isso surpreendeu-me: como é que um indivíduo que tinha estado no Vilanovense e não tinha dado nas vistas, porque tinha 17 anos na altura, não teria feito toda a gente reparar nele? Ninguém, nem do F. C. Porto, nem de outro clube, previu o que ele podia vir a ser", conta o presidente portista.

Juan Figer deixou marca no mundo do futebol por ter atuado em grandes contratações por parte de clubes europeus, em momentos completamente diferentes do mercado futebolístico. O uruguaio foi fulcral nas negociações de Maradona para o Nápoles e de Romário para o Barcelona, assim como na venda de Roberto Carlos para o Inter Milão (1995) e na ida de Robinho para o Real (2005).

Stephanie Figer, neta de Juan, deixou uma emotiva mensagem de despedida nas redes sociais, lembrando o avô por todos os ensinamentos que lhe deixou, depois do falecimento do uruguaio antes de entrarmos em 2022. "É assim que eu sempre me lembrarei de você Vô... viajando, comendo num bom restaurante e falando de futebol!
Que honra e privilégio o meu de ser sua neta e ter aprendido tantas coisas com você.
Vou levar adiante tudo o que me ensinou para te deixar orgulhoso por onde estiver!
Te amo com todo o meu coração. Muito obrigada por tudo", escreveu.

Apesar de todos os feitos que Juan Figer deixa para trás, após a sua morte, não escapa de momentos menos bons. Como em 2012 quando a FIFA iniciou uma investigação ao empresário uruguaio por causa da utilização do Rentistas, clube da primeira divisão uruguaia, para registar jogadores e emprestá-los a outras equipas.

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG