Automobilismo

Morreu Stirling Moss, lenda da Fórmula 1

Morreu Stirling Moss, lenda da Fórmula 1

O britânico de 90 anos morreu este domingo de doença prolongada. A lenda do automobilismo mundial, com uma carreira de 14 anos, venceu 16 das 66 corridas de Fórmula 1 que disputou. Mas nunca ganhou um título mundial.

Stirling Moss, que fez a sua primeira corrida profissional em 1948, foi quatro vezes vice-campeão mundial da Fórmula 1, entre 1955 e 1961. Em toda a carreira, o britânico competiu em 375 corridas e venceu em 212.

Reformou-se da competição de alto nível em 1962 quando sofreu um acidente, mas continuou a "correr" informalmente, especialmente em eventos de celebração, até aos 81 anos. Ao mesmo tempo, era empresário na área do imobiliário com a família. Moss, cita o jornal "The Guardian", era sobretudo conhecido pela "habilidade ao volante".

O estilo de vida, que procurava aproveitar ao máximo, e a personalidade competitiva destacam-se nesta lenda do automobilismo, segundo a imprensa britânica. "Daquilo que me diz respeito, qualquer automobilista merece o nome se tentar vencer todas as corridas", afirmou Stirling Moss, citado pelo "The Guardian".

Em 2009, passou pelo Circuito da Boavista, no Grande Prémio Histórico do Porto, onde referiu ao JN que os carros e a velocidade eram uma "paixão", que lhe corriam no sangue. "Medo? Não! Nunca tive medo! O perigo foi sempre a minha profissão. E foi essa sensação do perigo que me levou à F1", disse.

Outras Notícias