Futebol

Mourinho apura-se mas critica equipa e falta de recursos

Mourinho apura-se mas critica equipa e falta de recursos

A AS Roma qualificou-se esta quinta-feira para os oitavos de final da Liga Conferência Europa com uma vitória na visita ao recinto dos búlgaros do CSKA Sofia (3-2), mas José Mourinho não poupou críticas à equipa e à falta de recursos.

"Não é possível estar a ganhar 2-0 após 45 minutos, com total controlo do jogo, para depois, com linhas recuadas, termos um comportamento ingénuo. É inaceitável. Estou feliz porque ganhámos, mas foi a única coisa que me agradou", atirou o técnico português no final do encontro do Grupo C, em declarações ao canal de televisão inglês "Sky Sport".

Mas as críticas não se limitaram só à exibição dos jogadores. José Mourinho também reconheceu não ter recursos suficientes para competir em três frentes - Liga, Taça de Itália e competições europeias - quando chegar a fevereiro.

"Não temos plantel suficiente para jogar em três competições. Jogar mais dois jogos em meados de fevereiro vai ser muito complicado", admitiu o treinador dos romanos.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG