Futebol

Mourinho perde com Manchester United e Tottenham fica mais longe da Champions

Mourinho perde com Manchester United e Tottenham fica mais longe da Champions

O Tottenham de José Mourinho atrasou-se, este domingo, na luta pelo acesso à Liga dos Campeões, com uma derrota caseira (3-1) perante o Manchester United, que ainda sonha com a conquista do campeonato inglês.

Em Londres, na 31.ª jornada da Premier League, o Tottenham até esteve em vantagem na partida, mas permitiu a reviravolta dos red devils na segunda parte, com Bruno Fernandes em destaque.

Depois de o sul-coreano Son ter dado vantagem aos spurs, aos 40 minutos, e do brasileiro Fred ter refeito o empate, aos 57, o médio internacional português, que foi titular, participou na fase final da jogada que permitiu ao uruguaio Cavani, aos 79, marcar o tento que colocou o Manchester United na frente do marcador.

No último lance da partida, aos 90+6 minutos, Greenwood confirmou o triunfo dos red devils, que assim aproveitaram da melhor forma o desaire do líder Manchester City (derrota em casa com o Leeds United por 2-1) e colocaram-se no segundo posto a 11 pontos do eterno rival, com menos um jogo disputado.

A ronda foi para esquecer para Mourinho, com o Tottenham a somar o segundo jogo sem vencer na 'Premier League' e a perder terreno para West Ham, Chelsea e Liverpool, equipas todas vitoriosas, na luta pelo acesso à 'Champions' da próxima temporada.

Os spurs estão no sétimo posto, agora a sete pontos do quarto lugar, que é ocupado pelo West Ham, que venceu na receção ao Leicester City, terceiro classificado, por 3-2.

Também na capital inglesa, os hammers confirmaram a fantástica temporada que estão a realizar e chegaram a construir uma vantagem de três golos, com um bis de Lingard, aos 29 e 44 minutos, e um tento de Bowen, aos 48.

PUB

O Leicester City ainda reagiu com dois golos do avançado nigeriano Iheanacho, aos 70 aos 90+1 minutos, o primeiro com assistência de Ricardo Pereira, titular nos foxes.

Além da derrota, o Leicester City perdeu terreno para o Manchester United, estando agora a sete pontos do segundo posto, e tem apenas um de vantagem sobre o West Ham.

Na outra ponta da tabela, num encontro entre equipas que luta pela manutenção na Premier League, o Newcastle venceu no campo do Burnley, por 2-1, com um golo e uma assistência do médio francês Saint-Maximin, lançado pelos magpies na segunda parte.

No último jogo do dia, com o português Cedric Soares como suplente não utilizado, o Arsenal venceu por 3-0 no campo do Sheffield United, com um bis do avançado francês Lacazette.

Mesmo com este triunfo, os gunners seguem num pouco habitual nono lugar, com 45 pontos, enquanto o Sheffield United pode já despedir-se definitivamente da Premier League na próxima ronda.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG