O Jogo ao Vivo

Futebol

Música, homenagem a Neno e pensamento na seleção: "O Gaiense" celebra mais uma gala

Música, homenagem a Neno e pensamento na seleção: "O Gaiense" celebra mais uma gala

O jornal "O Gaiense" festejou, esta segunda-feira, a XIX Gala, em Vila Nova de Gaia. Treinadores, jogadores, ex-jogadores e técnicos marcaram presença para homenagear o desporto rei e Neno. João Paulo Correia, futuro secretário de Estado do Desporto, também não faltou.

Pausa no futebol, mas noite de festa. Numa altura em que as competições internas estão paradas para os compromissos das seleções, o Hotel Holiday Inn, em Vila Nova de Gaia, vestiu-se a rigor para receber a XIX Gala do jornal "O Gaiense". No evento estiveram presentes nomes como os treinadores Rui Vitória, Paulo Fonseca, Álvaro Pacheco (Vizela), Daniel Ramos ou Pepa (Vitória de Guimarães), bem como alguns atletas como Ricardo Quaresma ou Bruno Varela e ex-atletas, casos de Artur Moraes e Jorge Andrade ou João Paulo Correia, futuro secretário de Estado do Desporto.

A noite, essa, até pode ser de festa, abraços, reencontros e de homenagem mas o pensamento não deixa de estar com Portugal, que na terça-feira vai lutar por um lugar no Mundial do Catar diante da Macedónia do Norte, no Estádio do Dragão.

"Hoje, não há jogos fáceis", começou por dizer o ex-treinador do Benfica, Rui Vitória. "Espero que Portugal ganhe e estou com muita convicção que vamos conseguir. É uma final, mas não vejo outro resultado que não a vitória. A Macedónia acredita que pode vencer, mas a determinação que Cristiano Ronaldo passou também se reflete no grupo. Foi mais difícil do que era esperado mas, hoje, o futebol é assim", disse Rui Vitória que, desde que deixou o comando técnico do Spartak Moscovo, está sem treinar. Mas garantiu: "Ainda não tenho saudades. Não tenho sentido falta da adrenalina, dei este tempo para mim, para usufruir com a família", vincou.

No sentido inverso, Daniel Ramos, que passou pelo Santa Clara, garantiu que deve voltar ao trabalho em julho, sem abrir muito o jogo. "Há um dossiê que está a correr muito bem", revelou.

Paulo Fonseca também se mostrou otimista quanto ao jogo de Portugal. "Vamos vencer. Não há jogos fáceis, o caminho foi difícil mas o importante é que estamos muito próximos e amanhã [terça-feira] vamos celebrar mais uma presença no Mundial", garantiu.

Noite de homenagem a Neno

PUB

Além de distinguir treinadores e jogadores, o evento vai ainda contar com uma homenagem muito especial a Neno, antigo guarda-redes do Vitória e do Benfica que morreu no ano passado. Numa noite cheia de emoções, Rui Vitória recordou uma das pessoas que "mais o marcou" no mundo do futebol.

"Quando fui para o Vitoria, o Neno foi meu adjunto e, depois, ele passou a representar o Vitória. Estimei-o e adorei-o muito, foi um dos melhores seres humanos que conheci. Era fantástico. Por exemplo: se eu tivesse um botão da minha camisa que ele achasse que não estava bom, dizia-me logo 'Rui, despe essa camisa que eu vou coser esse botão'. É para verem como ele era. Tenho muitas saudades dele", concluiu.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG