Espanha

Nadador da Volta a Nado à Gran Canária encontrado morto após prova

Nadador da Volta a Nado à Gran Canária encontrado morto após prova

O nadador espanhol Carmelo Santana, de 58 anos, foi encontrado morto no fim de uma etapa da Volta a Nado à ilha de Gran Canária, que começou no dia 1 de outubro.

O corpo do atleta foi encontrado pela sua equipa no apartamento onde estava hospedado, em La Aldea de San Nicolás, depois de ter terminado a etapa entre Mogán e La Aldea, na terça-feira. Apesar dos esfoços das equipas de socorro no sentido de reanimar Carmelo Santana, acabou por confirmar-se o óbito.

Um grave acidente de trânsito, que fez o nadador das Canárias perder a perna esquerda, quando tinha 19 anos, afastou-o da natação e do pólo aquático, onde somava várias medalhas em campeonatos regionais. Um diagnóstico de diabetes e o amor pelo mar fizeram-no voltar a nadar aos 50 anos, propondo-se a um desafio ambicioso: percorrer a nado a ilha de Gran Canaria, num total de 190 quilómetros divididos por 11 etapas.

O caso está agora a ser investigado pela Polícia Judiciária.