Futebol

Óliver: "Jogador mais chato? Eu"

Óliver: "Jogador mais chato? Eu"

O ex-jogador do F.C. Porto respondeu a algumas perguntas dos seguidores nas redes sociais. Gonçalo Paciência também participou.

Numa altura em que as competições estão paradas devido ao surto do novo coronavírus, os atletas têm aproveitado cada vez mais as redes sociais para responder a algumas curiosidades dos adeptos. Este domingo, foi a vez de Óliver Torres, ex-jogador do F. C. Porto e atualmente a representar o Sevilha.

Num registo bem-humorado, o jogador espanhol não teve dúvidas quando desafiado a eleger o jogador mais chato do plantel da equipa espanhola: "Ninguém, porque seria eu. Sempre a fazer merda", atirou. A passagem pelo F. C. Porto - Óliver passou quatro épocas nos azuis e brancos, duas delas cedido pelo Atlético de Madrid - não foi esquecida: "Fui para o F. C. Porto, onde passei quatro anos maravilhosos. O Porto é uma cidade perfeita e guardo muito carinho pelo clube. Tocou-me mudar outra vez e estou no Sevilha com muita vontade. Que o Sevilha ganhe títulos e o F. C. Porto também".

Os seguidores puderam ainda contar com um "convidado" surpresa: Gonçalo Paciência. O avançado português do Eintracht Frankfurt, companheiro de equipa do espanhol durante duas épocas nos azuis e brancos, recordou os tempos em que cozinhava para Óliver - "estava sempre bom!", garantiu o médio - e ainda deixou um convite: "Porque não vens para a Alemanha?". "É uma Liga interessante. Mas olha que aqui em Sevilha desfrutarias muito", respondeu.