Rio de Janeiro

Organização dos Jogos Olímpicos perdeu chave de estádio

Organização dos Jogos Olímpicos perdeu chave de estádio

A organização dos Jogos Olímpicos teve que pedir ajuda aos bombeiros para abrir um dos portões do Estádio Olímpico, depois de perder a chave de acesso à entrada principal.

Esta poderá não ser mais uma polémica a envolver a organização dos Jogos Olímpicos mas é, no mínimo, mais um caso insólito da prova.

A organização que se preparava para abrir os portões para o torneio de futebol feminino, entre a Suécia e a África do Sul, percebeu que não tinha a chave para deixar entrar os adeptos das duas seleções. Algumas pessoas acabaram por ser encaminhadas por entradas alternativas, o que gerou confusão.

Os bombeiros foram obrigados a rebentar o cadeado que fechava o portão principal e os adeptos só conseguiram entrar para o estádio uma hora antes da partida.

O Estádio Olímpico João Havelange, no Rio de Janeiro, está, como quase tudo nos Jogos Olímpicos, em fase de acabamentos. Os voluntários estão a utilizar esferovite para tapar parafusos à mostra, na zona de alimentação só se pode pagar com reais e na zona de imprensa os ecrãs de televisão continuam apagados.

A Cerimónia de Abertura está marcada para esta sexta-feira às 20 horas locais (24.00 em Portugal continental), no Estádio do Maracanã, Rio de Janeiro.

Outras Notícias