Desporto

Paulo Bento e o relvado: "Temos de ser fortes nos duelos"

Paulo Bento e o relvado: "Temos de ser fortes nos duelos"

As más condições do relvado do Estádio Bilino Polje, em Zenica, na Bósnia, preencheram o discurso do seleccionador Paulo Bento no lançamento do jogo da primeira mão do play-off de acesso ao Euro 2012.

Das declarações do seleccionador nacional, pode concluir-se que a selecção portuguesa vai fazer um jogo inteligente para surpreender a Bósnia, em Zenica, onde o relvado do estádio apresenta várias falhas e muita lama, o que impede o jogo mais técnico da equipa das quinas.

Mas Paulo Bento considera que é possível ganhar num terreno em péssimas condições e a fórmula do sucesso é simples. "Claro que é possível, mas temos de escolher onde e quando podemos jogar. Em outros momentos, temos de ter a lucidez de não correr riscos", explica o seleccionador, completando logo de seguida: "Tentaremos jogar sempre que tivermos condições e mentalizados para lutar durante 90 minutos. Temos de ser fortes nos duelos e nas segundas bolas".

Sobre o facto de sete jogadores da selecção portuguesa estarem em risco, Paulo Bento é claro: "Não temo a exclusão de Ronaldo nem de ninguém. Temos de estar focados nos 90 minutos e essa hipotese de exclusão não pode ser um peso".

O seleccionador nacional está convencido de que "Portugal vai estar no Euro" e adianta que "antes do jogo" nunca fica "satisfeito com o empate." Revelou que Pepe vai jogar como central e não fez comentários às declarações de Bosingwa, que renunciou à selecção, em colisão com Paulo Bento.