O Jogo ao Vivo

Última Hora

Pedro Sousa joga muito e sagra-se campeão na Maia

Pedro Sousa joga muito e sagra-se campeão na Maia

No último torneio do ano, Pedro Sousa (113.º do ranking ATP) alcançou a vitória no Maia Open ao derrotar o espanhol Carlos Taberner (152.º) por 6-0, 5-7 e 6-2.

Vice-campeão do ATP 250 de Buenos Aires (onde se tornou no terceiro português a disputar uma final de singulares ao mais alto nível) e dos Challengers de Split e Lisboa, o português venceu o primeiro torneio em 2020, precisamente no dia em que fechou a época ATP.

Numa final jogada sempre a grande intensidade, o número dois português derrotou o jovem espanhol Carlos Taberner, número 152 mundial, por 6-1, 5-7 e 6-2, ao cabo de 2.05 horas. Depois de um primeiro set intocável, Sousa baixou um pouco o ritmo no segundo set, mas retificou logo a seguir, na derradeira partida, a tempo de conseguir a estreia a levantar a taça na Maia.

Com este resultado, Pedro Sousa fecha a temporada a somar 80 pontos ATP, que lhe garantem a subida ao 105.º posto do ranking ATP e o deixam mais próximo de entrar diretamente no Open da Austrália.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG