Futebol

Pepe: "O que sinto pelo F. C. Porto será eterno"

Pepe: "O que sinto pelo F. C. Porto será eterno"

Pepe será jogador do F. C. Porto pelo menos até 2023, altura em que terá 40 anos e que terminará o vínculo com o clube que prolongou esta quarta-feira, na presença da família, do empresário Jorge Mendes, do presidente Pinto da Costa e do administrador Vítor Baía.

"A minha vitória é a acordar todos os dias e agradecer a Deus por estar neste clube. Sinto-me realizado por poder estar aqui hoje, por poder renovar o meu contrato. Muitos podem pensar que são mais dois anos, mas a minha ligação e o que sinto pelo F. C. Porto será eterno", afirmou o defesa-central, que completa 38 anos em fevereiro de 2021.

Sobre o significado desta renovação neste preciso momento da carreira, Pepe não tem dúvidas: "Para mim representa muita coisa. Sou realista e o presidente acabou de dizer que é sobre o rendimento. A idade é só um número, o que vale é o meu rendimento e capacidade de trabalho nos jogos e nos treinos. Tenho a felicidade de ter bons treinadores, bons profissionais, que cuidam da alimentação, do descanso, por isso estou num grande clube como o F. C. Porto. Até aos 40 e quem sabe se posso ir até aos 42 anos".

Sobre o teste inconclusivo à covid-19, que o afastou do jogo com o P. Ferreira, e da lesão no pé esquerdo, que o atirou para a bancada na receção ao Marselha, Pepe esclareceu: "Não me quero pronunciar sobre o teste, até por respeito pelos que já se foram. Sobre a lesão, foi um lance que sofri contra o Manchester City. Fiz mais dois jogos e agravou-se. Conversei com o treinador e equipa médica e resolvemos que era melhor parar agora, porque a época é muito longa e temos muito a caminhar até ao objetivo".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG