O Jogo ao Vivo

Desporto

Pinto da Costa recusa comentar "Caso Cardinal" por respeito ao Sporting e a Godinho Lopes

Pinto da Costa recusa comentar "Caso Cardinal" por respeito ao Sporting e a Godinho Lopes

O presidente do FC Porto, Pinto da Costa, recusou comentar, na terça-feira, o caso que envolve o vice-presidente do Sporting Paulo Pereira Cristóvão, por respeito "a esse grande clube" e a Godinho Lopes, líder "leonino".

"Não faço nenhum comentário, pois não tenho nada a ver com o assunto", disse o dirigente portista, acrescentando: "Tenho muito respeito pelo Sporting como clube, e muito respeito e admiração pelo presidente Godinho Lopes".

Pinto da Costa foi abordado sobre o chamado "caso Cardinal" à margem do jantar de homenagem pelos 30 anos desde a sua primeira eleição como presidente do FC Porto, organizado pela sua habitual comissão de candidatura.

Paulo Pereira Cristóvão é arguido no caso do dinheiro que apareceu na conta do árbitro auxiliar de futebol José Cardinal, poucos dias antes do encontro com o Marítimo, dos quartos de final da Taça de Portugal.

Além do vice-presidente "leonino", outras duas pessoas foram constituídas arguidas no âmbito de uma investigação por denúncia caluniosa qualificada.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG