Futebol

Pinto da Costa: "Varandas fará um grande serviço ao Sporting quando se dedicar à medicina"

Pinto da Costa: "Varandas fará um grande serviço ao Sporting quando se dedicar à medicina"

O presidente do F. C. Porto fez, esta terça-feira, uma antevisão ao jogo com o Manchester City e respondeu a Luís Filipe Vieira e Frederico Varandas.

Os azuis e brancos estão prestes a entrar em ação na liga dos Campeões e, na primeira jornada, defrontam o Manchester City, um dos favoritos a vencer a liga milionária. Apesar das diferenças, principalmente no orçamento, Pinto da Costa acredita que o F. C. Porto tem uma palavra a dizer e recordou os títulos europeus já conquistados.

"Sinto os jogadores com confiança e com muita vontade. É um momento difícil também para o treinador, fruto da fase que passamos em todo o mundo. É difícil entrosar a equipa quando não há tempo para treinar. Penso que o Manchester City é um dos favoritos, mas não digo que seja o grande favorito. Há equipas com mais possibilidades. Nós nunca fomos em nenhuma prova internacional e ganhámos sete. O favoritismo não é o que nos leva a vencer provas. Em campo são 11 contra 11 e nós sabemos ultrapassar todas as dificuldades", começou por dizer em entrevista ao Porto Canal.

Respostas a Luís Filipe Vieira e Frederico Varandas

No domingo, Luís Filipe Vieira deu uma entrevista à RTP3, na qual recordou o corte de relações com o F. C. Porto em 2015. O líder dos azuis e brancos acusa o presidente do Benfica de "faltar à verdade".

"Em relação ao que disse sobre o nosso corte de relações, faltou à verdade e só não digo que mentiu porque pode estar com lapsos de memória, porque está a atravessar um período complicado", atirou.

Já sobre Frederico Varandas, que no final do clássico com o F. C. Porto deixou duras críticas à arbitragem, Pinto da Costa considerou que o presidente do Sporting "dará um grande serviço ao Sporting quando se dedicar à medicina".

"Temos de olhar para as pessoas conforme o momento que estão a viver e compreender também o passado no próprio clube. A invasão de Alcochete só teve um beneficiado: o atual presidente do Sporting. Era o médico da equipa, esteve na final da Taça perdida com o Aves e depois apareceu como candidato, fazendo um ataque à Juve Leo. Em qualquer claque do mundo há gente má e gente de bem, como entre as pessoas que foram a Alcochete também havia. Acho incrível fazer das claques um inimigo quando muitas vezes são elas que empurram as equipas para as vitórias. Portanto, ele tem que mostrar que está ativo, que é um defensor dos sócios, mas já ninguém vai nisso. No dia em que Frederico Varandas se dedicar à medicina, presta um grande serviço ao Sporting", concluiu.

Outras Notícias