Exclusivo

Proença quer controlar acessos aos estádios

Proença quer controlar acessos aos estádios

Presidente da Liga Portugal apresentou nove propostas de combate à violência nos recintos desportivos.

Pedro Proença, presidente da Liga Portugal, esteve ontem reunido com Rodrigo Cavaleiro, responsável pela Autoridade para a Prevenção e Combate à Violência no Desporto, e apresentou um plano de nove pontos, sabe o JN, para erradicar os focos de violência verificados em alguns estádios. Nas medidas, destaca-se a criação de uma plataforma centralizada de controlo de acessos que permita à Liga Portugal dispor de informação em tempo real. Além disso, o organismo pretende monitorizar a venda de ingressos nominativos aos estádios por referência ao Fan ID (documento de identificação de adepto).

A Liga quer ainda que certos setores dos recintos sejam interditos e que haja uma supervisão mais eficaz das revistas aos adeptos por parte das forças de segurança. Em caso de desordem, Proença entende que a intervenção das forças policiais deve ser mais efetiva. O organismo assume a vontade aumentar a celeridade processual e a efetividade das penalizações. Foram também propostas medidas de cariz educativo, como a realização de ações de prevenção contra a violência junto das Sociedades Desportivas. A entidade sugere também a publicação de um relatório mensal e a publicitação das medidas e atividades desenvolvidas no âmbito da fiscalização e controlo do combate à violência. Pedro Proença levará ainda estes planos de ação ao novo Ministro da Administração Interna.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG