Ténis

"Qualifier" Emma Raducanu faz história ao passar às "meias" do US Open

"Qualifier" Emma Raducanu faz história ao passar às "meias" do US Open

A britânica Emma Raducanu, de 18 anos, tornou-se esta quarta-feira na primeira "qualifier" a atingir as meias-finais do Open dos Estados Unidos, ao derrotar a suíça Belinda Bencic, em dois sets, nos quartos de final.

Número 150 mundial, a jovem britânica fez história ao vencer a campeã olímpica de Tóquio2020 e 12.ª jogadora do ranking WTA pelos parciais de 6-3 e 6-4, em uma hora e 22 minutos.

Raducanu, que já tinha causado sensação em Wimbledon ao chegar aos oitavos de final na sua estreia em torneios do Grand Slam, tornou-se na primeira tenista proveniente da fase de qualificação a alcançar as "meias" da prova nova-iorquina.

A britânica é apenas a quarta "qualifier" da história a chegar à penúltima ronda de um torneio do Grand Slam, depois da australiana Christine Matison Dorey no Open da Austrália, em 1978, da norte-americana Alexandra Stevenson em Wimbledon, em 1999, e da argentina Nadia Podoroska em Roland Garros, no ano passado.

Nas meias-finais, Raducanu vai defrontar a vencedora do encontro entre a checa Karolina Pliskova, número quatro mundial, e a grega Maria Sakkari (18.ª).

O outro encontro das "meias" femininas vai opor a número dois mundial, a bielorrussa Aryna Sabalenka, e a canadiana Leylah Fernandez (73.ª).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG