O Jogo ao Vivo

Lisboa

Reação leonina vale empate na Liga dos Campeões de andebol

Reação leonina vale empate na Liga dos Campeões de andebol

Sporting empatou este sábado, 30-30, com os espanhóis do Bidasoa Irun, em jogo do Grupo C da Liga dos Campeões de andebol, em Lisboa, devido a uma boa reação à má entrada na partida por parte dos "leões".

Com o empate, a formação sportinguista mantém o terceiro posto na classificação do agrupamento, com cinco pontos, enquanto o Bidasoa Irun está no segundo lugar, com sete pontos, a perseguir o líder IK Savehof, com oito.

O Sporting entrou mal defensivamente na partida e a formação basca aproveitou para cimentar uma vantagem considerável desde o início, chegando aos 15 minutos de jogo a vencer por cinco golos de diferença (6-11).

A formação leonina soube reagir e, aos poucos, foi reduzindo a desvantagem, tendo em Valentin Ghinoea e Pedro Valdez um maior acerto na hora de rematar à baliza adversária, acabando por chegar ao intervalo a perder apenas por um golo de distância (16-17).

No segundo tempo, e perante um pavilhão incansável no apoio à equipa, sobretudo nos instantes finais, o Sporting conseguiu mesmo igualar a partida durante 15 minutos, mas nunca conseguiu chegar à frente do marcador.

O Bidasoa Irun ainda conseguiu uma vantagem de três golos, mas os leões retomaram o empate a cerca de um minuto para o fim do encontro, que até podia ter vencido no último segundo, através de uma falta, mas a formação espanhola colocou todos os homens na barreira para segurar a igualdade.

Ficha de jogo:

Jogo no pavilhão João Rocha, em Lisboa. Sporting - Bidasoa Irun, 30-30. Ao intervalo: 16-17.

Sob arbitragem dos franceses Karim Gasmi e Raouf Gasmi, as equipas alinharam e marcaram:

Sporting: Aljosa Cudic, Pedro Valdez (6), Carlos Ruesga (5), Frankis Marzo (4), Arnaud Bingo (1), Valentin Ghionea (7) e Luís Frade. Jogaram ainda Gonçalo Vieira (3), Tiago Rocha (3), Carlos Carneiro, Manuel Gaspar, Nemanja Mladenovic e Ivan Nikcevic (1).

Treinador: Thierry Anti.

Bidasoa Irun: Rangel Rosa, Mikel Zabala (3), Esteban Salinas (4), Jaime Mancisidor (1), Rodrigo Salinas (8), Thomas Tesoriere e Matheus da Silva. Jogaram ainda Iñaki Cavero (4), Milos Orbovic, Adrián Crowley (1), Matias Serrano (1), Xoan Ledo, Leo Renaud-David (6), Jon Azkue (2) e Rudy Seri.

Treinador: Jacobo Cuetara.

Marcha no marcador: 2-3 (5 minutos), 4-6 (10), 6-11 (15), 9-14 (20), 12-15 (25), 16-17 (intervalo), 20-21 (35), 22-22 (40), 24-24 (45), 26-26 (50), 27-29 (55) e 30-30 (resultado final).