Ataque ao mercado

Ricardo Horta prestes a assinar pelo Benfica e dose dupla de reforços nos Açores

Ricardo Horta prestes a assinar pelo Benfica e dose dupla de reforços nos Açores

Ricardo Horta está na iminência de ser oficializado no Benfica, num negócio que pode valer 15 milhões de euros aos cofres do Sporting de Braga. Santa Clara anunciou dois reforços brasileiros, provenientes do cruzeiro

Benfica: Ao que o JN apurou, Ricardo Horta vai mesmo ser jogador do Benfica, encerrando assim uma novela que dura desde o início do verão. O negócio deverá concretizar-se por uma verba a rondar os 15 milhões de euros, além dos passes de Rodrigo Pinho e Gil Dias, dois jogadores que chegaram à Luz na temporada passada.

Horta tornou-se, em 2021/22, o melhor marcador da história do Braga e é o capitão dos guerreiros. O atacante poderá jogar, amanhã, contra o Sporting e a transferência será concluída depois do encontro.

Ricardo Horta é um alvo de longa data do Benfica e bastante apreciado pelo treinador Roger Schmidt, que poderá agora contar com o avançado de 27 anos para a época 2022/23. Depois das contratações de David Neres, Enzo Fernández, Petar Musa e Ristic (custo zero), o Benfica está perto de aumentar assim as despesas neste mercado de transferências para quase 62 milhões de euros.

Santa Clara: O emblema açoriano apresentou dois reforços de uma vez, contratando os brasileiros Adriano Firmino e Paulo Eduardo, ao Cruzeiro. Adriano é médio, tem 22 anos, e é uma aposta de longa data por parte do Santa Clara, uma vez que assinou contrato para as próximas cinco temporadas. Já Paulo Eduardo, defesa central, ainda tem 20 anos, tendo rubricado um vínculo válido até 2026.

Adriano já tem alguma experiência ao nível sénior, somando 96 jogos pelo Cruzeiro, enquanto Paulo Eduardo ainda está numa fase mais inicial do percurso enquanto futebolista, contando apenas com três partidas. O Cruzeiro foi o único emblema pelo qual os brasileiros jogaram, ao nível sénior.

PUB

Celta de Vigo: A equipa espanhola contratou Gonçalo Paciência ao Frankfurt, oferecendo um contrato de três temporadas ao internacional português. O avançado, de 28 anos, vai jogar no terceiro país estrangeiro da carreira, depois de ter representado Frankfurt e Schalke 04, na Alemanha, além de ter cumprido uma época no Olympiacos (Grécia).

Paciência encerra assim um capítulo de ouro no Frankfurt, onde alinhou em 86 jogos, marcou por 20 ocasiões e ainda conquistou o maior troféu da sua carreira: a Liga Europa.

V. Guimarães: Herculano Nabian está de saída de Guimarães, com destino à Serie A. O avançado vai ser emprestado ao Empoli, até ao final da temporada, num negócio que terá o custo de 150 mil euros. Caso os italianos desejem contratar em definitivo o jogador, de 18 anos, terão de desembolsar 450 mil euros no final de 2022/23, podendo ainda acrescentar 600 mil euros mediante o cumprimento de objetivos desportivos, com o Vitória a salvaguardar 20% de uma venda futura do jogador.

Herculano chegou aos vimaranenses em 18/19 e fez apenas seis jogos pela equipa principal.

Galatasaray: O emblema turco garantiu dois reforços de peso para atacar a temporada 2022/23. Tratam-se de Dries Mertens, que jogava no Nápoles, e Torreira, jogador contratualmente ligado ao Arsenal. O avançado, de 35 anos, assina contrato até ao final da temporada, ficando com opção de mais um ano e o médio uruguaio assina até 2025, por um valor entre os seis milhões e os sete milhões de euros, podendo ascender a outros valores, no caso de cumprir determinados objetivos desportivos.

Mertens sai de Nápoles como o maior marcador da história do clube, 148 golos e 397 jogos depois. Já Lucas Torreira, que no ano passado representou a Fiorentina, despede-se do Emirates sem nunca ter vingado.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG