Laver Cup

Ao lado de Nadal, Roger Federer despede-se do ténis

Ao lado de Nadal, Roger Federer despede-se do ténis

O tenista suíço Roger Federer fez, esta sexta-feira, o seu último encontro profissional, perdendo ao lado do espanhol Rafael Nadal nos pares que fecharam o primeiro dia da Laver Cup.

Em Londres, ao lado do seu rival e amigo Nadal, Federer foi derrotado pelos norte-americanos Jack Sock e Frances Tiafoe, por 4-6 e 7-6 (7-2) e 11-9, em mais de duas horas.

Sem jogar desde o torneio de Wimbledon de 2021, devido a várias operações aos joelhos, o suíço tinha anunciado na semana passada que iria terminar a carreira na Laver Cup, prova que opõe uma seleção da Europa a uma do resto do mundo.

PUB

Federer despede-se do ténis com 103 títulos conquistados, um número superado apenas por Jimmy Connors (109), 20 dos quais em torneios do Grand Slam, no qual é apenas ultrapassado pelos rivais contemporâneos Nadal (22) e Novak Djokovic (21).

Ao longo do encontro, a falta de competição foi notória no jogo de Federer, muitas vezes incapaz de mostrar o jogo de pés que o tornou famoso, chegando a comentar com os colegas de equipa que estava "a jogar em câmara lenta".

Sempre bem disposto e a sorrir para o companheiro Nadal e para os adversários, Federer ainda pediu água a um colega de equipa, dizendo que estava "muito cansado" para ir buscar.

O suíço, de 41 anos, sucumbiu às emoções quando cumprimentou os restantes elementos da equipa da Europa e os do resto do mundo.

Mas não foi apenas Federer a mostrar as emoções e a chorar no final do encontro, com o amigo Nadal a também não conter as lágrimas.

Após o final do encontro, a organização da Laver Cup ainda passou um vídeo de homenagem ao campeão suíço, com mensagens de alguns dos seus grandes adversários ao longo da carreira, que o colocaram como um dos maiores de sempre do desporto, com a homenagem a terminar com Nadal.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG