Futebol

SAD leonina fecha reestruturação financeira

SAD leonina fecha reestruturação financeira

Em véspera de assembleia-geral (AG) do clube, o presidente do Sporting, Frederico Varandas, terá um trunfo para se proteger da contestação que possa surgir. A reestruturação financeira foi concluída e oficializada à Comissão de Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

Em relação aos valores, o acordo melhorou as condições negociadas pelo elenco de Bruno de Carvalho na primeira metade de 2018. A sociedade só perderá 30% do excesso das vendas de passes de jogadores (antes era 50%), sendo que 15% reembolsará os credores e os restantes reforçam as contas reserva. Já sobre as VMOC (Valores Mobiliários Obrigatoriamente Convertíveis) o perdão de 70% manteve-se como estava definido. Dos 135 milhões subscritos pelo BCP_e Novo Banco, a sociedade leonina terá de pagar apenas 40,5 milhões. Pese estar fechada, a reestruturação será um tema a abordar na reunião-magna, que decorrerá no Pavilhão João Rocha a partir das 20 horas