Médio Oriente

Seleção norte-americana cancela estágio no Qatar

Seleção norte-americana cancela estágio no Qatar

A seleção norte-americana de futebol cancelou, este sábado, o estágio que iria realizar em Doha, no Qatar, entre domingo e 25 de janeiro, devido "à evolução da situação na região", anunciou a federação dos Estados Unidos.

"Entretanto, estamos a trabalhar na calendarização para a preparação do embate com a Costa Rica, em 1 de fevereiro, em Carson, na Califórnia. Estamos a trabalhar, conjuntamente com a federação do Qatar, para encontrar uma oportunidade para no futuro próximo tomar contacto com as condições de topo do país", lê-se no comunicado da federação norte-americana.

Esta decisão ocorre depois da morte do general iraniano Qassem Soleimani, na sequência de um ataque aéreo contra o aeroporto internacional de Bagdad, no Iraque, na sexta-feira, que o Pentágono declarou ter sido ordenado pelo Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

No mesmo ataque morreu também o 'número dois' da coligação de grupos paramilitares pró-iranianos no Iraque, Abu Mehdi al-Muhandis, conhecida como Mobilização Popular [Hachd al-Chaabi], além de outras seis pessoas.

O ataque ocorreu três dias depois de um assalto inédito à embaixada norte-americana que durou dois dias e apenas terminou quando Trump anunciou o envio de mais 750 soldados para o Médio Oriente.

Apesar de ter adiado o estágio no país que vai acolher o Mundial2022, a seleção de futebol vai realizar o estágio em solo norte-americano.

Outras Notícias