Conceição indignado

"Devo um pedido de desculpas aos árbitros em Portugal"

"Devo um pedido de desculpas aos árbitros em Portugal"

Indignado com as decisões da equipa de arbitragem que prejudicaram o F. C. Porto, o treinador Sérgio Conceição discutiu durante o jogo com Pep Guardiola e, no final, fez o mesmo com o árbitro da partida. As imagens do lance que rendeu um penálti ao Manchester City, convertido no 1-1, correm o Mundo e deixam muitos incrédulos.

No final do jogo, Sérgio Conceição também se mostrou surpreendido e revoltado com as decisões da arbitragem e apontou outros lances em que se sentiu prejudicado.

"A arbitragem teve um grande peso no jogo. O Marchesín tem a perna como tem neste momento, porque sofre falta antes do penálti. O City empata aí e ganha moral, porque não estava a conseguir entrar no nosso terço defensivo e, quando entrava, era sem perigo. Depois, a acabar o primeiro tempo, o Pepe sofre um empurrão nas costas, na área do City, o que seria penálti e nos dava a possibilidade de irmos para intervalo com vantagem no marcador. Por fim, a falta que dá o 2-1, na minha opinião, não é falta nenhuma", analisou o treinador do F. C. Porto.

E, depois, refletiu: "Devo um pedido de desculpas aos árbitros em Portugal, porque contesto quando acho que sou prejudicado, mas comparando com a equipa de arbitragem deste jogo, a que esteve neste campo e a que esteve lá em cima, no VAR... Os árbitros internacionais têm muito a aprender com a Cidade do Futebol".

Ainda sobre os temas mais quentes, e novamente aos microfones do Porto Canal, Sérgio Conceição rematou sobre o treinador catalão do City, com quem muito discutiu: "Tenho de aprender com Pep Guardiola, na forma como condiciona os árbitros, como fala com os jogadores adversários, como fala com o banco adversário... Nisso tenho de aprender, nós fomos hoje uns verdadeiros passarinhos em confronto com o banco contrário".

Outras Notícias