F. C. Porto na Liga Europa

Sérgio Conceição: "Temos de ser mais equipa do que na Holanda"

Sérgio Conceição: "Temos de ser mais equipa do que na Holanda"

Sérgio Conceição voltou à derrota com o Feyenoord para lançar a receção ao Rangers, marcada para esta quinta-feira, no Estádio do Dragão, referente à terceira jornada do Grupo G da Liga Europa.

"Houve muita coisa má, mas nem tudo foi mau nesse jogo [derrota por 2-0, com o Feyenoord, na Holanda]. Tivemos momentos muito interessantes, mas as equipas não vivem só dos momentos em que têm bola. E em relação a isso temos de ser mais equipa do que fomos na Holanda", afirmou Sérgio Conceição, esta quarta-feira, na Auditório José Maria Pedroto, no Estádio do Dragão.

O treinador portista também se referiu a esta fase que a equipa atravessa, com jogos de três em três dias. "Aquilo que me incomoda é ficar 18 dias sem jogar, a mim não me incomoda nada jogar de três em três dias, isso faz parte dos grandes clubes. A competição deixa-me vivo, deixa-me num estado que gosto", prosseguiu.

Antes do treinador, quem respondeu às perguntas dos jornalistas foi o defesa-central espanhol, Iván Marcano, que deixou uma mensagem especial ao companheiro do lado, no caso o internacional português Pepe: "Tenho que lhe dar uma palavra de agradecimento, é dos melhores profissionais com quem trabalhei".

Marcano, de resto, também falou da derrota com o Feyenoord e foi taxativo: "As coisas que temos de corrigir já fizemos nos treinos e no balneário. Não te posso dizer mais. Temos sempre de corrigir, inclusive quando as coisas correm bem".