Benfica

Sporting de Braga supera Benfica e F.C. Porto nas receitas arrecadadas nas competições europeias

Sporting de Braga supera Benfica e F.C. Porto nas receitas arrecadadas nas competições europeias

O Sporting de Braga foi o clube português que mais arrecadou pela participação nas competições europeias de futebol da época passada, ao receber 16,37 milhões de euros (ME), superando o Benfica, com 13,76 ME, e o FC Porto, com 7,8 ME.

A totalidade da verba arrecadada pelo clube minhoto (16.370.191 euros) resultou da soma da receita da participação na Liga dos Campeões (11.842.000), na qual somou três vitórias na fase de grupos, com a da Liga Europa (4.528.191 ME), em que atingiu a final, perdida para o FC Porto.

O Benfica ganhou apenas menos 9.000 euros do que o Sporting de Braga na Liga dos Campeões. Enquanto estes obtiveram 2,4 ME fruto da soma das três vitórias na fase de grupos, o clube das Luz somou 1,6 ME, visto que venceu apenas dois jogos.

No entanto, essa diferença acabou por ser compensada pela maior receita do Benfica decorrente dos direitos televisivos, que foi de 3 ME, ao passo que o Sporting de Braga não foi além dos 2,24 ME.

O "fosso" entre os dois clubes no que à receita global diz respeito foi "cavado" na Liga Europa, visto que o Sporting de Braga atingiu a final da competição, o que lhe permitiu arrecadar 4,5 ME, em contraponto com o Benfica, eliminado pelos minhotos nas meias-finais, que não foi além de 1,9 ME.

Só a presença do Sporting de Braga na final correspondeu a um bónus de 2 milhões, mas nesta prova os minhotos também "ganharam" ao Benfica na receita correspondente aos direitos televisivos, somando 928.191 euros contra 328.191 dos "encarnados" da capital.

A terceira equipa nacional que mais lucrou com a presença nas taças europeias foi o FC Porto, a distância considerável de lisboetas e minhotos, por força da sua ausência da Liga dos Campeões.

As diferenças são bem vincadas: uma vitória num jogo da fase de grupos da Liga Europa equivale a 140 mil euros e a vitória na final a 3 milhões, enquanto na Liga dos Campeões o prémio de vitória por jogo na fase de grupos ascende a 800.000 e a vitória na final a 9 milhões.

Já o Sporting, que atingiu os 16 avos-de-final da Liga Europa, arrecadou 2,14 ME.

A equipa que maior receita obteve foi o finalista vencido da Liga dos Campeões, o Manchester United, com 53,197 ME, mais do que o campeão FC Barcelona, que se quedou pelos 51,025 ME, o que se explica pelo maior montante que o clube inglês gerou das receitas televisivas.

Enquanto os campeões europeus embolsaram 20,325 ME pelas transmissões dos seus jogos, o Manchester United atingiu 25,897 ME.

A distância significativa ficou o Schalke 04, semifinalista da Liga dos Campeões, com 39,75 ME, à frente do Real Madrid, que também atingiu a mesma fase da prova e que somou 39,28 ME, e do Inter de Milão, que não foi além dos quartos-de-final, com 37,98 ME.

Outras Notícias