Sporting

Sporting extingue cinco empresas do universo empresarial do clube

Sporting extingue cinco empresas do universo empresarial do clube

No último Relatório e Contas do Sporting (que terminou 2020/21 com um resultado líquido positivo de 135 mil euros) destaca-se a extinção de cinco empresas ligadas ao universo empresarial leonino com vista à "simplificação da estrutura organizacional"

"No decorrer da época 2020/21, verificou-se a redução do valor das participações financeiras dado que o SCP dissolveu e liquidou cinco empresas que se encontravam dormentes há mais de 15 anos, nomeadamente; i) Verdiblanc I, S.A.; ii) Verdiblanc II, S.A.; iii) Verdiblanc III, S.A.; iv) Verdiblanc IV S.A.; e v) a Sociedade de Promoção Imobiliária - Qta. Das Raposeiras, S.A.. Com esta liquidação, o universo de empresas do Grupo Sporting foi simplificado reduzindo o ativo em 50,9 milhões de euros (redução da participação financeira), e consequentemente, o passivo foi reduzido em montante equivalente (dívida do SCP com cada uma das sociedades agora extintas)", lê-se no documento do Sporting.

O presidente do Sporting Frederico Varandas fez questão de dar algumas palavras neste exercício, salientando que os leões estão no caminho certo. "Este último ano desafiou-nos com curvas inesperadas no caminho. Adaptámo-nos às curvas, mas não "curvámos" a nossa missão, e jamais o nosso caráter. Este é o nosso caminho. Temos a plena consciência de onde viemos, das difíceis opções que tivemos que tomar para aqui chegar e do longo caminho que ainda temos de percorrer. O sucesso passado não assegura o sucesso futuro"; afirmou o dirigente verde e branco.,

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG