Futebol

Sporting fechou mercado com lucro de 52,2 milhões de euros

Sporting fechou mercado com lucro de 52,2 milhões de euros

O Sporting revelou esta terça-feira, em comunicado enviado à Comissão de Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), todos os valores envolvidos nas operações realizadas no mercado de transferências do último verão.

Entre vendas, compras e empréstimos, e deduzidas as comissões pagas, os leões conseguiram um saldo positivo de 52,2 milhões de euros, valor que já inclui 22,5 milhões por Gelson Martins e 7 milhões por Daniel Podence, concluídas as negociações com Atlético Madrid, Olympiacos e os jogadores, que haviam rescindido alegando justa causa depois da invasão de Alcochete

A SAD leonina comprou quatro jogadores a título definitivo - Luís Neto chegou a custo zero -, sendo o mais caro o argentino Luciano Vietto, por quem pagou 7,5 milhões de euros. Rosier e Rafael Camacho custaram o mesmo (5 milhões), mais dois milhões que Eduardo Henrique (3). O empréstimo do espanhol Jesé, num negócio que inclui opção de compra no final da época, orçou em dois milhões de euros - Bolasie e Henrique foram cedidos sem encargos. Ao todo, os leões gastaram 22,5 milhões de euros, sendo que os cinco jogadores contratados implicaram o pagamento de 1,367 milhões de euros em comissões.

O valor global das comissões, incluindo as referentes às vendas de 82,275 milhões de euros, ascendeu a 7,576 milhões de euros. A mais alta foi de 2,5 milhões de euros, paga à empresa D20 Sport, do ex-internacional português Deco, na sequência da venda de Raphinha ao Rennes por 21 milhões de euros, a maior dos leões neste último mercado de transferências, isto se excluirmos o acordo alcançado com Atlético Madrid e Gelson Martins, que foi de 22,5 milhões de euros. A Gestifute de Jorge Mendes e o agente Pedro Torrão repartiram dois milhões de euros na venda de Thierry Correia ao Valência por 12 milhões.

Bas Dost e Daniel Podence fizeram entrar 7 milhões cada nos cofres dos leões, sendo que a saída do holandês para o Eintracht Frankfurt admite ainda o pagamento de um bónus de 500 mil euros. O jovem Felix Correia foi para o Manchester City a troco de 3,5 milhões (negócio inclui um bónus que pode chegar até 12 milhões e 10% numa futura venda), Domingos Duarte para o Granada por 3 milhões, Jonathan Silva para o Leganés por 2,7 milhões, Iuri Medeiros para o Nuremberga por 2 milhões e Carlos Mané para o Rio Ave por 750 mil euros.