O Jogo ao Vivo

Basquetebol

Sporting perde com israelitas a abrir Grupo C da Taça da Europa

Sporting perde com israelitas a abrir Grupo C da Taça da Europa

O Sporting ameaçou, esta terça-feira, arrancar com uma vitória no Grupo C da Taça da Europa, face aos israelitas do Ironi Ness Ziona, mas claudicou na parte final (81-86), na bolha de Wloclawek, na Polónia.

Os comandados de Luís Magalhães lideravam por sete pontos (71-64), com menos de sete minutos para jogar, mas o acumular de "turnovers" e maus lançamentos perante a defesa zona dos adversários e a quinta falta do determinante Travante Williams condenaram os leões.

Desta forma, o Sporting não logrou dar sequência à espetacular recuperação conseguida no terceiro período, no qual, com um parcial final de 23-6, passou de uma desvantagem de 12 pontos (40-52) para uma vantagem de cinco (63-58).

A troca de poste John Fields pelo reforço Micah Downs foi decisiva nesse período, com os leões a perderem peso junto ao cesto, mas ganharam mobilidade e agressividade na defesa, sufocando os israelitas, que acumularam erros atrás de erros.

No quarto parcial, os leões ainda aumentaram a vantagem, mas, depois do 76-73, com um triplo de Micah Downs, a 3.05 minutos do fim, os israelitas assumiram o comando e decidiram o jogo com um parcial de 10-0, ficando a vencer por 76-83 já no último minuto.

Cinco pontos seguidos (3+2) de Pedro Catarino ainda deixaram o jogo em aberto (81-83), com 21,1 segundos para jogar, mas, no ataque seguinte, uma jogada de três pontos (2+1) de Lior Carreira, após desatenção defensiva dos leões, sentenciou o jogo.

Num embate que teve uma primeira parte de equilíbrio -- 20-22 no final do primeiro período e 36-42 ao intervalo -, o frenético Travante Williams foi, mesmo com muitos erros, o melhor do Sporting, pela que fez na defesa e os 22 pontos e 10 ressaltos.

PUB

Destaque ainda, pela positiva, na equipa leonina para os 21 ressaltos ofensivos, contra nove, a segunda parte do ex-Benfica Micah Downs (fechou com 13 pontos) e a primeira de John Fields (10 pontos e 12 ressaltos), e, pela negativa, para os 27 turnovers, contra também exagerados 21 dos israelitas.

Travante, Fields, Diogo Ventura, James Ellisor (10 pontos) e João Fernandes (nove pontos, seis ressaltos e cinco assistências) formaram o cinco de Luís Magalhães, que utilizou ainda Micah, Cláudio Fonseca (dois pontos), Shakir Smith (10), Cândido Sá e Pedro Catarino (cinco).

Na formação israelita, um desastre nos triplos (três em 22), seis jogadores marcaram na casa das dezenas, nomeadamente Patrick Miller (17), Wayne Seldon (17), Tal Dunne (15), Jerome Meyinsse (13), Lior Carreira (12) e Brain Angola (10).

O Sporting, que precisa de ficar num dos dois primeiros lugares do agrupamento ou de ser um dos quatro melhores terceiros dos seis grupos desta fase para seguir para os oitavos, volta a jogar na quinta-feira, face aos polacos do BM Slam Stal.

Na sexta-feira, os leões fecham a participação no Grupo C diante dos húngaros do Szolnoki Olajbanyssz.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG