Taça de Portugal

Surto no Vizela não impede duelo com os dragões

Surto no Vizela não impede duelo com os dragões

Dez novos casos de covid-19, entre jogadores e staff, levam clube minhoto a pedir o adiamento. Regras da FPF apontam 50% de atletas disponíveis para que a partida se possa realizar. Sérgio Conceição atento à qualidade do rival

Vizela e F. C. Porto discutem esta quarta-feira (20.45 horas, TVI) a presença nas meias-finais da Taça, mas a equipa da casa pediu o adiamento da partida, já que os testes realizados detetaram mais dez casos de covid-19 - já estavam dois jogadores infetados - entre atletas e staff.

No entanto, os regulamentos da Federação Portuguesa de Futebol só contemplam a impossibilidade de se jogar caso mais de 50% do plantel profissional seja afetado, o que não acontece. Por isso, a bola vai mesmo rolar e Sérgio Conceição antevê muitas dificuldades.

O treinador do F. C. Porto abordou o encontro ainda antes de ser conhecido o surto que afetou o Vizela, reconhecendo que o triunfo, por 4-0, no mesmo palco para a Liga conta muito pouco para esta noite. "São jogos e competições diferentes. O Vizela é uma equipa positiva, com muita alma e está a fazer um campeonato razoável. Vai ser um jogo difícil até pelas lesões que não nos permitem estar na máxima força", disse, antes de admitir que a preparação teve em conta o facto de ser um jogo a eliminar.

"Estamos alerta e prova disso é que trabalhámos um eventual prolongamento e penáltis. Temos respeito máximo pelo Vizela", garantiu Conceição, que não passou ao lado do tema Sérgio Oliveira (ver texto ao lado), e lembrou que Renzo Saravia, apesar de estar a treinar com a equipa, não tem lugar seguro no plantel: "É para avaliar, porque não acredito que tenha tido grande evolução defensiva no campeonato brasileiro".

Pedro Silva ambicioso

Apesar da goleada sofrida em casa com os dragões (0-4 para o campeonato), o guarda-redes do Vizela está otimista: "Perdemos com o Braga por uma margem semelhante e na Taça conseguimos ganhar. Vamos tentar superar-nos da mesma maneira para tentar eliminar o F. C. Porto", garantiu Pedro Silva.

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG